Iniciação de bebês de colo e engatinhantes no mundo da Literatura, Música, Dança e Artes

Dança, literatura, cinema... muitas atividades para pais e seus bebês
Dança, literatura, cinema... muitas atividades para pais e seus bebês

Conheça diversas atividades culturais e artísticas voltadas para mamães, papais e bebês de colo e engatinhantes na cidade de São Paulo

Mamães e papais conhecem bem a difícil e solitária rotina de cuidados com seus bebês, principalmente nos primeiros meses de vida: noites pessimamente dormidas, inúmeras mamadas, trocas de fraldas, etc. Rotinas estas recheadas por cólicas e choros, muitos destes por indecifráveis motivos.

Nasce um bebê e também um pai e uma mãe! Estes com dúvidas e atordoados pelos inúmeros palpites e conselhos - ora bem vindos, ora os deixando ainda mais indecisos – de familiares e até de estranhos de como devem cuidar de seu bebê.

Neste início os pais, geralmente as mães, passam os primeiros meses sem sair de casa, por indicação do pediatra, para evitar o contato do bebê, ainda com o sistema imunológico frágil, com uma série de doenças. As muitas visitas do primeiro mês cessam e a solidão é grande, embora o prazer de cuidar do bebê também seja. Os passeios ao ar livre são indicados, mas as visitas de consulta ao pediatra acabam sendo o maior passeio do mês.

Foi por não aguentar mais essa solidão permanente que um dia resolvi ir à feira, aqui pertinho de casa, com minha bebê, Amélie, que ainda não havia completado 3 meses. Coloquei-a no sling e, mesmo com dúvidas se deveria ir ou não, mas para preservar minha saúde mental e assim poder ser uma mãe melhor, decidi fazer isto por nós! Sentei na barraca do pastel, saboreando um, quando conheci alguém que mudou para sempre a minha rotina com minha bebê!

Conheci a Carol, uma outra mãe, com seu lindo bebê, Miguel, que contava então com 7 meses. Começamos a conversar sobre nossos bebês até que falei com ela sobre a solidão do cuidado e ela prontamente sugeriu para que fossemos fazer alguns passeios juntas! Ela também estava só, a maior parte de sua família mora em outras cidades, além disto havia decidido fazer uma pausa no trabalho e se dedicar aos cuidados com o seu bebê e a maioria de suas amigas, também mamães, já haviam retornado ao trabalho após o término da licença maternidade.

Começamos com passeios pelo bairro com carrinho e sling, depois para shoppings, cinemas, encontros sobre música, poesia, literatura e dança. A Carol, muito vivaz e antenada, conhecia tudo isso e, generosamente, foi me apresentando este novo mundo. Isto foi tão importante para a minha relação com a minha bebê! O Dani, meu companheiro e pai da Amélie, também desfrutou de alguns eventos, o que fortaleceu ainda mais o vínculo com ela e entre nós dois - lembrando que além de pais também somos um casal!

Estas experiências foram tão importantes em nossas vidas que decidimos partilhar com vocês!

Assim, aqui estão as benditas dicas da Carol sobre um novo universo de programas voltados para mamães, papais e bebês de colo e engatinhantes em São Paulo:

  • Shoppings Centers: embora nem sempre sejam um programa cultural propriamente dito, são um bom lugar para passear, principalmente no frio ou na chuva. A maioria deles conta com uma ótima estrutura voltada para a família: sanitários com trocador, fraldários com poltronas para amamentação e microondas para esquentar a comidinha ou mamadeira dos bebês. Também há aqueles com excelentes livrarias, muitas com espaços kids, que oferecem atividades diversificadas para a criançada. É possível acompanhar essa programação pelos sites e redes sociais. A orientação, no entanto, é que esses passeios aos shoppings, especialmente com crianças menores de 6 meses, que ainda não receberam as principais vacinas, aconteçam em dias de semana, de preferência no período da manhã, que são os horários de menor aglomeração de pessoas.

  • CINEMATERNA: Cinema para pais e mães, acompanhados de seus bebês de até 18 meses. As sessões de cinema acontecem em vários shoppings da cidade, onde os filmes geralmente são voltados para o público adulto e são escolhidos por meio de enquetes, através do site do projeto. Embora os filmes sejam de temática adulta, o entretenimento é para toda a família, uma vez que o ambiente conta com uma estrutura bacana como: espaço para troca de fraldas e estacionamento de carrinhos dentro da própria sala de cinema; a iluminação, o som e o ar condicionado são mais suaves para os bebês; mamães ficam a vontade entre choro e “conversas” de bebês, já que não têm a sensação que estão incomodando; podem amamentar tranquilamente enquanto assistem ao filme e sentem-se fazendo parte do mundo de novo! Também há um tapete colorido com brinquedos disponíveis para os bebês maiores, que já engatinham se distraírem enquanto os pais assistem ao filme. Ao final das sessões acontece um bate-papo gostoso entre as mamães para troca de experiências, em um café previamente escolhido e divulgado no site. Fomos a sessões no Shopping Bourbon Pompéia e Shopping Eldorado. Para saber mais, acesse www.cinematerna.org.br ou acompanhe o instagran @cinematerna

  • Literatura de Berço: Poesia, Literatura, Arte no Museu e Música de qualidade para pais e mães acompanhados de seus bebês de até 18 meses. Nesse projeto, os textos também são voltados para o público adulto, mas os bebês iniciam o contato com o mundo das Artes e da Leitura, através dos livrinhos que ficam espalhados pelo chão enquanto os papais e mamães podem voltar a aspirar mais cultura, conhecendo e aprimorando seus conhecimentos e desfrutando desse universo. Além disso, é uma excelente oportunidade para fazer novos amigos, trocar experiências e para que nossos bebês interajam com outras crianças. Os encontros, que geralmente são mensais e gratuitos, acontecem na Casa das Rosas, que fica na Avenida Paulista e é um passeio a parte. A Casa das Rosas, além de abrigar o projeto Literatura de Berço, também oferece outros inúmeros eventos voltados a bebês de colo e engatinhantes, além de oferecer uma boa estrutura, como fraldário e acesso para carrinhos. Na Casa das Rosas, participamos de encontros sobre a poesia de Augusto de Campos e a literatura de Machado de Assis. Também fomos a eventos musicais do projeto Literatura de Berço no Parque da Água Branca sobre Led Zeppelin e no MIS (Museu da Imagem e do Som) sobre os Beatles. Além da música, os encontros incluem detalhes sobre as bandas e bate-papo! E são muito bem organizados! Para saber mais, acesse: www.literaturadeberco.com.br ou acompanhe no instagram @ldberco

  • Dança Materna: Dança para mães e/ou pais e bebês de colo (utilizando-se o sling), engatinhantes e andantes. Foi maravilhoso e encantador desfrutar de um dos encontros da Dança Materna. É um momento especial para os pais e bebês com alongamentos, massagens, danças e brincadeiras. Os contatos corporais entre mamães e bebês vão se ampliando e o grupo todo participa de atividades de consciência corporal, jogos lúdicos, danças, rodas, enfim, uma experiência maravilhosa! Saiba mais em www.dancamaterna.blogspot.com.br

  • Slingada: a Slingada é um evento mensal, realizado todos os primeiros sábados do mês, gratuitamente. Foi criado para divulgar o uso de carregadores de bebês e dar apoio aos papais slingueiros. No encontro, os pais podem experimentar e adquirir os diversos tipos de carregadores, além de aprender várias posições de uso e tirar todas as dúvidas sobre como utilizar os slings de uma maneira segura e confortável. Nos encontros, que muitas vezes contam com a participação de pediatras, são oferecidos vários tipos de instruções como: posições adequadas para recém nascidos, benefícios de uso para o desenvolvimento do bebê, indicações de carregadores adequados para cada fase de desenvolvimento e alertas sobre o uso incorreto dos carregadores. Além disso, durante os encontros, paralelo as orientações e vendas, acontecem atividades como: contação de histórias, dança materna, oficinas de shantala, banhos de balde, brincadeiras, entre outras. Para saber mais acesse www.slingada.blogspot.com.br

  • Casa do Brincar: é um espaço de brincadeiras educacionais e culturais para crianças de 0 a 6 anos. No espaço são oferecidos diversas oficinas, como: musicalização, culinária, jardinagem, arte coletiva, circuitos e instalações para jogos e brincadeiras. Também são oferecidas atividades para a família, fora e dentro do espaço, como: piquenique da casa do brincar, que é um evento mensal e gratuito; matrice, que é um evento semanal e também gratuito para apoio às famílias nos aspectos psicológicos, afetivos e de saúde, envolvendo a amamentação; dança materna, cursos de empreendedorismo materno, entre outros. A programação é atualizada mensalmente pelo site www.casadobrincar.com.br

A maior parte das participantes de todos os eventos são as mães (que quase sempre estão em licença maternidade) acompanhadas de seus bebês. No entanto, não é difícil encontrar alguns papais desfrutando de momentos muito especiais nestes passeios, em que os laços com os bebês e a família são enriquecidos e aprofundados!

Uma ótima dica para ficar por dentro da programação e dos diversos eventos infantis que acontecem em nossa cidade, é acompanhar o @paracrianca no instagram ou acessar www.paracrianca.com.br

Boa diversão!!

Autores

Ana Carolina Braga Ferraz

É mãe do Miguel. Pedagoga, formada pela METROCAMP/Campinas, Especialista em Educação Infantil e Alfabetização pela mesma faculdade e Pós Graduada em Educação: concepções e conhecimento pela Faculdade São Leopoldo Mandic/Campinas. Trabalhou como professora de Educação Infantil em escolas das cidades de Campinas e São Paulo. Atualmente tirou férias da sala de aula para se dedicar integralmente a profissão de MÃE.

Contato

carolbf27@gmail.com

Salete Monteiro Amador

É mãe da Amélie. Editora da equipe do Site Ser Melhor. Psicóloga formada pela PUC/SP, Pós graduada em Saúde Coletiva pela FUNDAP e em Cinesiologia Psicológica pelo Instituto Sedes Sapientiae. É Terapeuta e Supervisora de Terapia Comunitária formada pelo Prof. Dr. Adalberto Barreto. Atualmente é Coordenadora de um Centro de Testagem e Aconselhamento em DST/AIDS.

Contato

salete_psi@yahoo.com.br


Veja Também